Home >> Home,Playoffs,Temporada 2016 >> Patriots no Opening Night

Tivemos nesta madrugada a entrevista com os técnicos e jogadores dos Patriots no Super Bowl Opening Night, evento criado no Super Bowl 50 e que sucedeu o antigo Media Day.

Tom Brady foi o primeiro a falar, ele disse que está feliz por Matt Ryan, e disse que já superou a sua história com Roger Goodell, que o “deflategate” é passado e não há mais rancor. Ele também reforçou o que já havia dito na final da AFC, que sua motivação sempre é a sua família, os companheiros de equipe e os fãs. E sobre aposentadoria, Brady disse que não vê nenhum fim à vista. Ele ainda se emocionou ao falar do seu pai, e disse que ele (Brady pai) era seu herói, a sua maior inspiração.

Bennett continuava com a felicidade demonstrada na final da AFC estampada na cara, e disse que estava curtindo cada momento. Não é para menos, afinal, Bennett já tem 9 temporadas de experiência e essa é a sua primeira vez em um Super Bowl. Aproveita Martellão! hahahaha
Bennett ainda disse que uma das razões para ele ter conseguido sucesso em New England essa temporada, foi que ele pôde ser quem ele é.

O defensive end Chris Long, outro veterano de 9 temporadas e que nunca havia estado e um Super Bowl, disse que não havia outro lugar em que ele preferia estar.

Hightower falou que se sentiu mal pela saída do seu amigo Jamie Collins, e perguntado sobre quem era o seu jogador defensivo favorito, disse que era Collins.

Butler disse que é incrível ouvir as crianças gritando seu nome.

Ninkovich chega ao seu terceiro Super Bowl com os Patriots, e falou sobre sua superação: “Duvidaram muitas vezes de mim, se eu fosse ouvir todas as pessoas, eu provavelmente não teria jogado tanto tempo. Você realmente tem que ter confiança em si mesmo. Graças ao trabalho árduo, a determinação e não aceitando não como resposta, eu já surpreendi muitas pessoas, mas nunca me surpreendi.”

Perguntaram à McDaniels – treinador ofensivo dos Patriots – se ele gostaria que Garoppolo permanecesse mais um ano em New England, e ele respondeu que amava todos os jogadores, e que adoraria manter cada um deles.

Belichick foi bastante simpático, sorriu algumas vezes e também disse que amava seus jogadores.

O dono da franquia, Robert Kraft, foi perguntado sobre qual teria sido a sua melhor decisão em toda a sua carreira com os Patriots, e sem titubear, respondeu que havia sido a contratação de Bill Belichick. Kraft disse ainda que os Patriots de 2016 é uma das suas principais franquias.

Um dos principais técnicos que fizeram com os Patriots chegassem ao Super Bowl essa temporada, foi o treinador da linha ofensiva, Dante Scarnecchia. Ele foi perguntado se ficaria para a próxima temporada, e respondeu que sim. Ótima notícia! Confira a biografia que fizemos sobre Scarnecchia.

the author

Pernambucano, divide seu amor entre os Patriots e o Santa Cruz FC. Começou a acompanhar a NFL no Super Bowl XLV e desde então acompanha todas as temporadas torcendo sempre para os Patriotas da Nova Inglaterra (kkk).

Comentários

Top