Parem de tentar arrumar concorrentes Brady é o MVP e ponto!

Estamos chegando ao fim da temporada da NFL, e é hora de encarar as coisas como elas realmente são.

Em vez de ficar encontrando maneiras pelas quais os Jets podem vencer os Patriots, apenas está na hora das pessoas reconhecerem que os Patriots são, de longe, a melhor equipe e devem ganhar o jogo  sem problemas. Também não é mais hora de se preocupar se os Browns vão vencer os Steelers ou não. Esse time dos Browns é muito ruim e só uma catástrofe faria os Steelers perderem essa partida. A temporada da NFL já começou há quatro meses e, agora, temos uma boa ideia do que deve acontecer a cada semana.

E essa é a mesma mentalidade que as pessoas tem que ter quando o assunto é o MVP da temporada. Tom Brady é o MVP e é hora de parar de tentar trazer outros jogadores para a discussão de quem vai ganhar o prêmio.

Indo para a última semana da temporada, Brady lidera a NFL em jardas aéreas, é o segundo em jardas por tentativa, porcentagem de conclusão e rating é o terceiro em passes para touchdown. Para completar, os Patriots tem uma campanha 12-3 e estão a caminho de consolidar o Seed 1 na AFC para os playoffs.

Sem mencionar, que o jogador de 40 anos perdeu seu alvo favorito Julian Edelman na pré-temporada e teve que lidar com numerosas lesões na linha ofensiva ao longo da temporada. O jogo de domingo contra os Bills foi um exemplo perfeito. Chris Hogan, Rex Burkhead e James White estavam todos fora com lesões, então Brady estava dando passes para Brandin Cooks, Rob Gronkowski, Dion Lewis, Dwayne Allen, Jacob Hollister, Phillip Dorsett e Kenny Britt.

Se este fosse outro quarterback, nem sequer haveria um debate, mas porque Brady já ganhou o prêmio duas vezes e é o melhor quarterback a já ter jogado este jogo, as pessoas estão tentando desesperadamente dar razões para outro ganhar o prêmio desde que não seja Brady. Também provavelmente não ajuda o fato de que ele jogue para os Patriots.

Cerca de um mês atrás era Carson Wentz que estava na discussão com Brady, então ele sofreu uma lesão de ACL e ficou fora da temporada. Duas semanas atrás era Antonio Brown, mas ele lesionou sua panturrilha e os Steelers perderam para os Patriots. Agora, é o running back dos Rams, Todd Gurley.

Não há como negar que Gurley esteja tendo uma temporada fantástica. Ele lidera a liga correndo com 1.305 jardas, mas apenas por algumas jardas a mais do que Kareem Hunt e Le’Veon Bell. Seus 13 touchdowns também são a maior marca entre os running backs, Também vale notar que ele lidera a NFL em jardas recebidas por um running back, mas essas estatísticas o tornam o MVP?

Além disso, parece que ele não estará jogando na Semana 17 contra os 49ers, já que os Rams já garantiram seu seed nos playoffs.

Desde 2007, apenas um não-quarterback foi nomeado MVP da NFL e foi Adrian Peterson em 2012. Peterson foi incrível naquela temporada, correndo para mais de 2.000 jardas e com uma média de 131,1 jardas por jogo. Essa foi realmente uma temporada especial e merecedora do prêmio. E esta temporada de Gurley? Muito boa, mas não histórica.

Só porque esta não é uma das melhores temporadas de Brady, não se deve dar o prêmio para ele? O prêmio é para a temporada de 2017 e o ano de Brady é claramente o melhor ano entre os outros jogadores da NFL. Não é sua culpa ter tido tantas lesões em seus alvos e em sua OL.

Ninguém está dizendo que ele precisa ser a escolha unânime. Mas ele merece o número de votos necessários para ganhar o prêmio.

Assim como nos jogos das últimas semanas da temporada, onde não vale a pena ficar pensando demasiadamente no que vai acontecer, com o prêmio MVP deste ano deve ocorrer o mesmo. Brady deve ganhar o prêmio pela terceira vez em sua carreira.

Há ele tem 40 anos, e se encaminha para sua  quarta temporada seguida com menos de 10 interceptações na temporada, Manning por exemplo só teve uma temporada na carreira com menos de 10 interceptações.