Home >> Entrevistas,Home,Nação Patriots Brasil,Patriots Brasil,Temporada 2018 >> Belichick fala sobre a saída de jogadores, draftar um quarterback e Tom Brady

Bill Belichick teve aquele papo sempre bem humorado com os repórteres nesta terça-feira pela manhã durante o café dos treinadores da NFL em Orlando.

Bill Belichick foi perguntado se houve alguma conversa de extensão contratual entre a franquia e Tom Brady.

“Como você sabe, eu não vou falar sobre contratos e situações pessoais”, disse ele aos repórteres. “Vamos apenas deixar as coisas acontecerem, juntamente com todas as outras questões contratuais.”

Sobre draftar um quarterback esse ano:

“Acho que sempre tentamos fazer o que é melhor para a equipe. Sejam quais forem essas oportunidades, faremos o melhor que pudermos com elas “, disse Belichick.

Um repórter perguntou a Belichick se ele havia falado com Brady desde o Super Bowl.

“Está em todos os sites da Internet é só você procurar”. disse Belichick.

Sobre os jogadores que deixaram os Patriots na free agency:

“Malcolm [Butler], Dion [Lewis], Nate [Solder], Danny [Amendola], esses caras trabalharam duro. Eles competiram bem. Eles tiveram um bom desempenho”, disse ele aos repórteres. “Eles assinaram contratos que foram melhores do que o que pudemos dar a eles. Todos eles fizeram um ótimo trabalho para nós. Não teríamos o sucesso que tivemos sem as contribuições desses e de muitos outros jogadores.”

“Amo Danny”, disse Belichick. “Fez um ótimo trabalho para nós. Grande competidor. Desempenhou vários papéis diferentes. Pessoa tremenda. Amo tudo o que Danny trouxe para a equipe nos cinco anos em que ele jogou para nós.”

“Nate fez um ótimo trabalho para nós”, acrescentou Belichick. “Ele tem uma grande oportunidade em New York e desejamos a ele boa sorte.”

 

Tags :

the author

André Morais, professor de tênis, formado em educação física bacharelado, admin da página Nação Patriots Brasil no Facebook, Youtube e Instagram, aficionado pela NFL desde que ganhou seu primeiro Madden em 2000, torcedor dos Patriots desde 2001 quando viu um certo QB hoje chamado de G.O.A.T arrasar defesas adversárias, 30 anos. Pato Branco - PR

Comentários

Top